s3.webp

RELATÓRIO DE
ATIVIDADES
ONG RIO PARANÁ
2020/21

CONSIDERAÇÕES IMPORTANTES SOBRE O RIO PARANÁ

O objetivo desta página é comunicar nossas atividade desenvolvidas; ou ainda em desenvolvimento.

O Rio Paraná é o maior rio da América do Sul depois do Rio Amazonas tendo 4.880 km de extensão e ocupando o território de três países: Brasil, Argentina e Paraguai. Por conta de sua localização em uma área que sofre com atividade antrópica há mais de dois séculos, o rio foi e continua muito sendo visto única e exclusivamente como uma fonte de atividade exploratória de recursos. Mesmo hoje vivendo um dos piores momentos ambientais, toda análise feita sobre a situação do rio dá-se muito pela perspectiva econômica e produtivista.

RioParana-IlhaCumprida-1.jpg

IMPORTÂNCIA AMBIENTAL

Além de uma ictiofauna abundante nos locais de curso naturais remanescentes, o rio também está numa zona de transição de biomas tendo como aspectos várzeas, (áreas alagáveis como pantanal) mata atlântica do interior (floresta estacional semidecidual) e também cerrado. Algumas espécies foram quase extintas na região sendo elas a piracanjuba (salmão da américa do sul), cervo do pantanal e mico leão preto (endêmico do estado de São Paulo).

COMO SURGIU A ONG?

Em 2019, um incêndio de grandes proporções atingiu a Ilha Comprida na região de Castilho (SP) e Três Lagoas (MS) queimando 90% da vegetação. Desde então, nenhuma medida ou política pública foi tomada para a recuperação florestal daquela área. O que se nota é que a região e o Rio Paraná como um todo estão na periferia do ambientalismo com poucas iniciativas e desta para as questões ambientais da região.


Também não se encontra matérias de estudo sobre o rio na ótica ambiental, mesmo nas universidades ao seu redor a produção científica é mais voltada para a produtividade agrícola. Não existe um dia do Rio Paraná, as escolas não vêem ou promovem a educação sobre os rios e não há conteúdo o suficiente dado a importância do Rio Paraná. Portanto, a ONG surge em 2020 com o objetivo não apenas de aumentar a visibilidade sobre as questões da Ilha Comprida, mas sobre o Rio Paraná como um todo.

HISTÓRICO AMBIENTAL

Além da construção de usinas hidrelétricas no período militar que provocaram alagamento de áreas sequer estudadas, a construção da usina de Itaipu provocou o desaparecimento de uma das maiores quedas de água do mundo (Sete Quedas).
Hoje, a região do rio sofre extrema interferência antrópica provocada pelo avanço da industrialização (celulose e termelétricas), pecuária e agricultura. Em 1997 foi criado o Parque Nacional da Ilha Grande sobre um dos poucos trechos ainda não represados do rio.

COMO A ONG ATUA?

A ONG atua sobre três pilares: educação, fiscalização e recuperação

3.png
2.png
1.png

EDUCAÇÃO

Gerar conhecimento sobre a importância do rio como bioindicador seja através de estímulo de pesquisa nas universidades, trabalho em conjunto com a imprensa, escolas municipais com atividades de educação infantil, atividades educativas com comunidades ribeirinhas.

FISCALIZAÇÃO

Participação de iniciativas que visem coibir a poluição do rio e promover a regeneração dos biomas, tais como reflorestamento de áreas, iniciativas de saneamento sustentável, agrofloresta.

RECUPERAÇÃO

Atuação em parceria com os órgãos em todos os níveis, polícia ambiental, Ministério Público e secretarias de meio ambiente, além de Ibama e Icmbio. Contato com políticos da agenda ambiental para desenvolvimento de leis específicas de recuperação e proteção.

O QUE TEMOS FEITO?

bacia.png

Projeto Bacia de Evapotranspiração

s.webp

Campanha de conscientização

Campanha de conscientização de queimadas criminosas que ocorrem todos os anos na Ilha Comprida, criação de faixas, divulgação na Imprensa e reuniões com agentes públicos.

s (1).webp

Limpeza da Rampa Beira do Rio

Ações de limpeza em locais públicos para gerar conscientização sobre o lixo e seu impacto no rio e matas ciliares.

s (2).webp

Pedalada do bem

Ações que estimulem o ecoturismo e alternativas sustentáveis de transporte como bicicletas.

s (3).webp

Travessia do bem

Ações que estimulem o ecoturismo e alternativas sustentáveis de transporte como bicicletas.

PRÓXIMOS PROJETOS DE PEQUENO PORTE

LIMPEZA DA RAMPA DE CASTILHO

LIMPEZA DE ÁREAS PÚBLICAS EM PRIMAVERA, ROSANA E TRÊS LAGOAS

MAPEAMENTO DE POLÍTICOS COMPROMETIDOS COM A AGENDA AMBIENTAL NO MS E SP

MAPEAMENTO DE AUTORIDADES JURÍDICAS COMPROMETIDAS COM A AGENDA AMBIENTAL

CONTINUIDADE NOS PROTOCOLOS E FISCALIZAÇÕES (LICENÇAS AMBIENTAIS TRÊS LAGOAS)

PRÓXIMOS PROJETOS DE MÉDIO PORTE

APOIAR PROJETO DE REFLORESTAMENTO EM CASTILHO

APOIAR PROJETO DE REFLORESTAMENTO E RECUPERAÇÃO DO GRÊMIO DE PRIMAVERA

FORMAÇÃO DAS BRIGADAS DE VOLUNTÁRIOS APOENA PARA REGIÃO DO LAGO DE PORTO PRIMAVERA

PRÓXIMOS PROJETOS DE GRANDE PORTE

SÍTIO DO FUTURO (CASTILHO E PRIMAVERA)

APOIAR PROJETO DE REFLORESTAMENTO E RECUPERAÇÃO DO GRÊMIO DE PRIMAVERA

FORMAÇÃO DAS BRIGADAS DE VOLUNTÁRIOS APOENA PARA REGIÃO DO LAGO DE PORTO PRIMAVERA

RioParana-IlhaCumprida-8.jpg

Reconhecimentos

Pessoas comprometidas com esses projetos:


Biatriz Sayuri Fialho Maeda

Fabielli Souza Leite Martins

Flávio Oliveira dos Santos

Hervé Emmanuel Ros

João Henrique Fialho Lourenço

Lucilene da Silva Santos

Pedro Roberto da Silva Castro Filho

Raphael Fialho Primos

Rosa Augusta Zandonadi

Vítor Gabriel Marques

Yago Fernandes Fialho